Barra

Fundo de investimento Privado X Fundo de investimento Aberto

Entenda a diferença das modalidades e conheça os fundamentos

Antes de mais nada, gostaríamos de enfatizar a importância de adquirir conhecimento. Buscar entender sobre o mercado financeiro, suas faces, riscos e tudo que ele pode oferecer, te ajuda a não ter problemas ou surpresas no futuro.

Fundos

Para que você entenda a diferença de cada um, vamos explicar melhor sobre os fundos de investimentos, em uma visão macro.

Imagine um “condomínio” de investidores. Os mesmos reúnem os recursos de diversos participantes e aplicam em conjunto no mercado financeiro e de capitais. Os ganhos obtidos com essas aplicações, são distribuídos entre os participantes, de acordo com o valor investido por cada um.

As opções são muitas. Os fundos de investimento podem ser uma ótima escolha para quem quer sair da poupança e procura mais rentabilidade. Também existem tipos de fundos mais arrojados, para investidores mais sofisticados e habituados com o mercado financeiro.

Tipos de Fundos

Existem alguns tipos de fundos, e recomendamos que você busque conhecimento sobre cada um e sobre como funciona melhor todo o ecossistema, para fazer a escolha certa!

Os tipos de fundos são:

  • Fundo de Curto Prazo;
  • Fundo Referenciado;
  • Fundo de Renda Fixa;
  • Fundo de Ações;
  • Fundo Cambial;
  • Fundo de Dívida Externa; e
  • Fundo Multimercado.
Fundo de investimento Privado X Fundo de investimento Aberto

Fundo Aberto X Fundo Fechado

A principal diferença entre eles é que: Nos fundos de capital aberto, a aplicação e o resgate podem ser realizados nas instituições responsáveis pela distribuição das cotas, ou seja, em bancos ou corretoras e quando o investidor quiser. Já nos fundos de capital fechado, a entrada e a saída dos cotistas não acontece a qualquer tempo – e sim, apenas em momentos específicos.

No fundo de capital fechado, por exemplo, a entrada dos investidores acontece no chamado “período de captação”, da mesma forma que o resgate também possuí prazo e data fixa para acontecer.

Por onde começar?

Existem diversas maneiras de entrar para o mundo dos investimentos, e isso pode ser perigoso se você não estudar sobre cada detalhe.

Existem corretoras e administradoras de capitais, abertos ou fechados, que exercem este tipo de serviço. Um exemplo é a MK CAPITAL, uma empresa de gestão de fundos de risco situada em Chicago e Ann Arbor, em fase inicial, e que investe em empresas do setor de software e nuvem. Eles se alinham com os empresários, que entram como parceiros de financiamentos e mentores confiáveis para construção de novos negócios.

Fundo de investimento Privado X Fundo de investimento Aberto

A MK CAPITAL é confiável?

O slogan já diz: Capital de risco para empreendedores da próxima geração.

Uma chamada forte, atrativa, mas que nos trás algumas reflexões das quais já falamos acima.

Para saber sobre a empresa, acesse: https://www.mkcapital.com/

Estar atento ao mercado, buscar conhecimento e ajuda profissional de confiança, é essencial para o sucesso dos seus investimentos e para alcançar o resultado desejado.

E você, já investe seu dinheiro, diversificando sua carteira?

Fundo de investimento Privado X Fundo de investimento Aberto

Fundos de investimento no exterior crescem 38,4% em 1 ano

Em junho do ano passado o patrimônio líquido desses fundos cresceu R$799,7 bilhões

Os fundos de investimento no exterior, têm adquirido voz junto aos investidores, isso porque, o número de pessoas diversificando seus investimentos cresce a cada dia.

Os dados de crescimento desses fundos, fornecidos pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), falam por si. Veja:

O patrimônio líquido desses fundos atingiu R$ 799,7 bilhões em junho de 2021, contra R$ 577,7 bilhões em junho de 2020.

Os fundos multimercados com investimento no exterior, tinham um patrimônio líquido de R$ 630,9 bilhões contra R$ 496,1 bilhões um ano antes. Já os fundos de ações com investimento no exterior, tinham um patrimônio líquido de R$ 162,8 bilhões, ante R$ 79,3 bilhões no ano de 2020.

Os fundos de renda fixa com investimento no exterior tinham um patrimônio líquido de R$ 5,9 bilhões. No ano de 2020, o valor era de R$ 2,3 bilhões.

A captação, segundo a Anbima, foi de R$ 54 bilhões nos fundos multimercados com investimento no exterior, ante R$ 27 bilhões de 2020.

Nos fundos de ações com investimento no exterior, a captação foi de R$ 17,9 bilhões em 2021, ante R$ 4 bilhões em 2020. E nos fundos de renda fixa com investimentos no exterior, a captação foi de R$ 1,8 bilhão em junho de 2021 contra R$ 1 bilhão em junho de 2020. (Fonte de dados: Valor Investe)

Fundo de investimento Privado X Fundo de investimento Aberto

Quais são as empresas de fundos de investimento no exterior?

Existem diversas empresas de diversos tamanhos e proporções que oferecem serviços de gerenciamento de fundos de investimento, como por exemplo a MK CAPITAL, com sedes em Northfield e Ann Arbor, em fase inicial e que investe em empresas inovadoras de tecnologia e serviços em nuvem.

Outra empresa é a Conti Capital, que fica situada em Dallas no Texas. O Fundo identifica oportunidades em mercados de alto crescimento no Sun Belt, região Sul dos EUA. O CONTI RE High-Growth Fund IV oferece a oportunidade de participar de um investimento, que cria uma carteira diversificada de investimentos imobiliários multifamily.

*Vale lembrar que a Anbima mapeia os fundos que estão autorizados a investir no exterior, portanto, sempre procure saber quais fundos são confiáveis, quem é a empresa e quem são os sócios por trás desses fundos, e busque conhecimento antes de ingressar no mundo do mercado financeiro e de investimentos.