Cirurgião plástico ‘queridinho das celebridades’ revela como evitar exageros na harmonização facial

Queridinho das celebridades na capital paulista, o cirurgião plástico Rodolfo Castro Mesquita conta atualmente com três clínicas bem localizadas na cidade para oferecer o melhor atendimento à clientela. Nomes como Li Martins, Bia Jordão, Tania Oliveira, Luana Monalisa, Gabyy Souza, Lucimara Parisi e Flor Fernandez estão entre as famosas que procuram por seus serviços.

Uma das unidades está situada bem no coração de Alphaville, outra na Avenida Brigadeiro Faria Lima – Jardim Europa – e mais uma no bairro do Tatuapé, todas com excelente estrutura e acesso facilitado pelas principais vias da cidade.

“Quando pensamos em uma cidade tão grande quanto São Paulo, facilitar o deslocamento dos pacientes torna-se fundamental. Então buscamos sempre expandir as regiões de atendimento para dar mais comodidade aos nossos pacientes. Sempre, é claro, mantendo o mais alto padrão de qualidade e atendimento que são o nosso grande diferencial. Oferecer o melhor aos nossos pacientes é um desafio diário, mas também é o nosso combustível na busca pela excelência”, ressalta o cirurgião plástico.

Foto: Reprodução do Instagram

Atualmente, Mesquita realiza cerca de 35 a 40 cirurgias de grande porte mensalmente e, em média, 20 de pequeno porte. Ele ressalta ainda que, além de cirurgias estéticas, realiza operações reparadoras como queimados, reconstrução mamária, entre outras. “A cirurgia plástica possui uma abrangência muito grande de procedimentos e traz resultados muito gratificantes em todas as suas áreas de atuação. Eu costumo dizer que a cirurgia plástica vai além do corpo. Ela devolve a função, mas também trabalha com a alma e o resgate da autoestima dos pacientes”, analisa.

Segundo o cirurgião plástico, entre os procedimentos estéticos mais realizados cirurgicamente estão a lipoescultura de alta definição, chamada popularmente de lipo HD,  e o implante mamário de silicone.

Já entre os procedimentos não cirúrgicos, ele destaca a aplicação de toxina botulínica – o famoso botox –, preenchimento facial com ácido hialurônico, para harmonização e volumes, e também com produtos que promovem aumento do colágeno do paciente (Hidroxiapatita de Cálcio e Ácido Poliláctico). “Cada produto possui uma indicação bem específica, mas a verdade é que acabam se complementando quando planejamos um resultado natural e harmônico para o paciente, não só no rosto, mas em diversas partes do corpo”.

Pensando nos cuidados que devem ser tomados para evitar problemas e arrependimentos na harmonização facial, como o exagero no uso de produtos em locais concentrados, que acabam deixando os excessos bem aparentes, Mesquita explica que é preciso estar atento a alguns fatores.

Foto: Reprodução do Instagram

“O conceito da harmonização facial nos remete ao equilíbrio dos componentes da anatomia da face. O que é harmonioso é sempre considerado belo ou agradável, e a tão falada harmonização facial deve pautar-se nesse conceito.”

De acordo com o cirurgião plástico, nesse contexto é fundamental entender a necessidade do paciente e também ser extremamente criterioso sobre como se deve proceder para entregar um resultado que seja satisfatório. “O paciente não tem o conhecimento técnico. Isso cabe a nós, profissionais, e é preciso muito treinamento, estudo e prática para não transpor a tênue linha entre o belo e o exagerado.”

O cirurgião plástico alerta ainda sobre a importância de se realizarem tais procedimentos com profissionais capacitados. “Infelizmente vemos esse tipo de tratamento sendo realizado por diversas pessoas não capacitadas, e os resultados são divulgados diariamente. Muitas vezes reversíveis, outras vezes não.”

A orientação, portanto, é que cada paciente pesquise bastante antes da decisão final. O ideal, segundo Mesquita, é procurar por profissionais sérios e comprometidos, que conversem, tirem dúvidas e entendam qual tipo de procedimento é o melhor para cada caso. “É preciso muita conversa entre o paciente e o profissional, assim como é necessário um amplo esclarecimento sobre os limites das técnicas. Quando bem indicada e realizada, a harmonização devolve a jovialidade e as proporções que foram perdidas com o passar do tempo, resgatando a autoestima e o prazer em se olhar no espelho”, finaliza o cirurgião plástico.

Foto: Reprodução do Instagram

SERVIÇO:

Clínica Rodolfo Mesquita – Cirurgia Plástica

Instagram: @drrodolfo.plastica

Facebook: Rodolfo Castro Mesquita

TikTok: @drrodolfo.plastica

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias