Connect with us

Cultura

Desfile Beleza Negra realiza casting no próximo dia 24

Published

on

Seleção fará parte da próxima edição do desfile que deve acontecer em março em Brasília

Boa notícia para modelos: o Desfile Beleza Negra (DBN), evento já conhecido no calendário cultural da capital do Distrito Federal, realizará um casting para a escolha de possíveis modelos para sua próxima edição. Os interessados deverão comparecer na Faculdade Fortium, no Setor Bancário Sul, para participar da seletiva.

Dai Schmidt, produtora cultural, estudante de direito e idealizadora do DBN será responsável pela coordenação da primeira etapa do evento. Ela ressalta que todos os perfis de modelos negros são aceitos, sem distinção para altura ou peso, por exemplo: “Chegamos na 14ª edição do Desfile (Beleza Negra) e precisamos escolher nossos modelos. Todos os Negros são bem-vindos! Não importa sua altura, peso, religião ou qualquer outra conduta pessoal. Queremos mostrar a beleza do negro em mais um importante evento aqui em Brasília” diz.

Para participar da seletiva o(a) modelo(a) deve comparecer na próxima sexta-feira (24) às 15:00 na Faculdade Fortium, que está localizada na SBS Quadra 2, lote 13 em Brasília.

O evento tem o apoio da Secretaria de Justiça do Distrito Federal e da Secretaria de Juventude. A realização é do Instituto Janela das Artes

Mais informações através do Instagram do evento: @desfilebelezanegra

Continue Reading

Cultura

Gastronomia: profissionalização e mercado de trabalho

Published

on

Gastronomia

A Gastronomia é um ramo de negócio que vem se destacando no Brasil. Nos últimos anos, transformou-se em atração de programas de televisão e internet, e a cada dia conquista ainda mais admiradores. A consequência disso é um público mais atento à qualidade dos sabores, pratos e suas apresentações, que chegam a ser comparadas com verdadeiras obras de arte.

Segundo o IBGE, o brasileiro gasta 25% de sua renda com alimentação, o que fomenta o mercado e aumenta a oferta de produtos. A tendência é crescer a cada ano. A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) divulgou que o setor de alimentação gera cerca de 450 mil novas oportunidades de emprego por ano, e atualmente, é responsável por mais de 6 milhões de postos de trabalho.

Mas, o que fazer para se transformar em um profissional da área? Muitas pessoas acreditam que só gostar de cozinhar basta, mas não é bem por aí. Ser um gastrônomo ou um chef de cozinha, exige conhecimentos que vão além da preparação de pratos elaborados. Na EAD Unicesumar, por exemplo, o curso de Gastronomia prepara um profissional multidisciplinar, que aprende aspectos que vão do início à atualidade gastronômica, empreendedorismo e até habilidades básicas da cozinha autoral e criativa, tudo isso combinando teoria e prática.

Andrea Cristina Shima da Motta, coordenadora de Gastronomia da EAD Unicesumar, nos conta que “o ramo de alimentos e bebidas é um dos que mais cresce porque os hábitos alimentares da população vêm mudando. Nosso curso trata mais do que simplesmente realizar receitas, ele leva o aluno a uma viagem na história da alimentação. Ter uma boa qualificação é um diferencial e uma forma de se manter no mercado”, completa. Entre as disciplinas estudadas na graduação estão: Etiqueta e Serviço de Sala, Gestão de Alimentos e Bebidas, Gestão de Compras, Estoque e Custos, Gestão de Equipes em Restaurantes, Criatividade e Inovação em Gastronomia e Eventos Gastronômicos.

Kátia Cilene, estudante do curso de Gastronomia da EAD Unicesumar em Palmas, relata que escolheu a profissão por conta de um pão que sua mãe fez quando era criança. “Minha mãe era faxineira de uma confeitaria quando morávamos em Anápolis/GO. Um dia ela levou para casa um pedaço de massa de pão francês, e por sermos 10 filhos, sabia que somente aquela quantidade não ia dar para todos, então, resolveu aumentar a comida colocando alguns outros ingredientes”. Ela descreve que nesse dia a mãe criou uma nova receita que a levou a se apaixonar pela Gastronomia. Buscou inúmeras vezes imitar a receita de sua mãe, e quando conseguiu, começou a vender os pães na rua para complementar sua renda.

Há quatro anos Kátia resolveu fazer o curso superior, pois queria buscar mais conhecimento e aprimoramento das técnicas, apesar da paixão que tinha desde criança, a graduação foi fundamental para se manter no mercado de trabalho. “O curso me abriu oportunidades, estou me capacitando e vendo outros caminhos se abrirem, me intitulo como Personal Cheff, pois na faculdade percebi que uma pessoa com o conhecimento necessário poderia reinventar receitas, e é o que eu faço”. Atualmente, Kátia é empreendedora, tem uma cozinha de produção de biscoitos artesanais e também trabalha na Secretaria da Educação de Palmas/TO, auxiliando na formação da alimentação escolar nas escolas públicas.

Para quem quiser conhecer mais sobre o curso de Gastronomia da EAD Unicesumar, a instituição oferece aulas gratuitas dos renomados chefs Lucas Corazza e Alexandre Gimenes, basta acessar : conteudo.unicesumar.edu.br/gastronomia

Foto: Divulgação

Continue Reading

Cultura

Projeto Social: Instituto Jesus é criado e já é visto como referência

Published

on

Instituto Jesus

Fazendo jus à filosofia Ubuntu – “Eu sou porque nós somos”-, o projeto social que foca nas alianças e relacionamento entre as pessoas engajadas em causas humanitárias não para de gerar frutos: criou o Instituto Jesus para atender o morador de rua, um segregado social.

A missão do Instituto é tirar pessoas da situação de vulnerabilidade, oferecendo a elas oportunidades e atividades. Entretanto para avançar e entender o cidadão que não tem casa ou mora na rua por outros motivos, foi necessário viver a realidade deles.  A autora do projeto, empresária da região de Balneário Camboriú, passou um dia inteiro com eles.

Após a experiência e muito estudo, o projeto foi criado em 25 de janeiro deste ano. Contou com o engajamento do empresário e modelo Felipe Von Borstel e do ator e Dj Fernando Toledo e a empresária  Sandra Bronzina, todos hoje embaixadores do projeto.

Educação e formas de profissionalização serão as oportunidades iniciais oferecidas aos moradores de ruas ou ex-moradores. A ideia é observar a demanda regional por mão de obra para abrir as capacitações e/ou qualificações. A busca por inserção dos auxiliados no mercado de trabalho é outro passo importante.

As ações assistenciais contarão com a parceria da comunidade terapêutica Luz da Vida e fazer uma ampla divulgação de campanhas sobre a situação de rua é outra parte do trabalho. “AS campanhas visarão mudar a mentalidade das pessoas de rua e principalmente das que passam diariamente por elas sem reação alguma”, comenta a autora do projeto.

O primeiro instituto Jesus foi construído na cidade de Camboriú, na comunidade terapêutica Luz da Vida que atende ex-dependentes químicos. A construção de um novo instituto nos Estados Unidos já está sendo desenvolvido pela autora, ela busca atender os moradores de rua da região de Nova York.

A dependência química atinge a maioria dos moradores de rua e é uma das raízes desse problema.

Como primeiro projeto social compartilhado, o Instituto Jesus vem para dar uma nova cara aos projetos sociais.  O objetivo é fazer com que ele sirva de referência para as próximas ações que surgirem. “O instituto surgiu do desejo de criar um alto padrão de atendimento, algo que tivesse qualidade, espaço com um design diferenciado, algo que realmente refletisse as empresas e pessoas que acreditam e apoiam as causas sociais.

O projeto do espaço físico foi desenvolvido por Nando Andrade, arquiteto que vem se destacando no cenário nacional e participou da última Casacor em Santa Catarina. Juntamente com a designer Ana Laus, eles fizeram ambientes no estilo de uma casa para que os acolhidos se sintam dispostos e confortáveis. Nando Andrade afirma que sem dúvida, um dos projetos mais emocionantes que já participou.

Você também quer saber mais do projeto social mais moderno do Brasil? Acesse @institutojesus ou www.institutojesus.com

Fotos: Divulgação

Continue Reading

Cultura

Advogada e digital influencer, Lili Paiva desponta no segmento da moda e Fashion Law

Published

on

Lili Paiva

Além de dicas de moda que atraem milhares de seguidoras, Lili dá palestras sem viés financeiro para aqueles que buscam se inteirar dos direitos e deveres do ambiente fashion e virtual

Natural do ABC paulista, a digital influencer e advogada Lilian Paiva, ou Lili Paiva, como é mais conhecida, divide seu tempo entre palestras, maternidade e dicas de moda para os seus milhares de seguidores nas redes sociais. Lili tem despontado na internet como ícone de consultoria de moda, e é justamente o que se pode chamar de ‘mulher do século XXI’.

Além de fashionista, Lili, que também é mãe da Maria Clara, uma pequenina de 4 anos que acompanha com bom humor a mãe em boa parte de sua rotina de influenciadora, é especialista em Direito de Família e Fashion Law. Ela utiliza seu vasto conhecimento da área para ministrar palestras sem nenhum cunho financeiro para outros influenciadores digitais e advogados, deixando seu público por dentro das leis e deveres do mundo dos influenciadores digitais.

As dicas de moda de Lili Paiva são inconfundíveis: com seu estilo despojado e confortável, a especialista mescla peças casuais e sofisticadas, o moderno e o clássico, criando e divulgando justamente os looks que atraem milhares de seguidoras.

Conciliando dicas e consultoria de moda, maternidade e o compartilhando seus conhecimentos do Fashion Law, Lili vai abrindo caminho com destreza no mundo fashion, se consolidando como referência da área.

Continue Reading

Cultura

Dai Schmidt: a representatividade do negro em Brasília

Published

on

A estudante de Direito é idealizadora de um dos principais projetos culturais da capital federal

Crédito da foto: @cbaterista Certamente a população de Brasília e arredores já conhece o Desfile Beleza Negra – DBN para os mais íntimos. Ele chega, no próximo mês de março, em sua 14ª edição e já é evento carimbado no calendário cultural de Brasília.

A idealizadora desse projeto é Dai Schmidt, moradora de Brasília e uma das figuras regionais mais importantes pela luta do negro e sua presença em diferentes mercados, inclusive o da moda.

Para a nossa redação ela conta um pouco sobre os projetos para o ano de 2020, que já começa com muitos preparativos para a próxima edição do Desfile, incluindo a realização de uma versão do projeto em Moçambique.

“Recebi um convite muito legal do estilista Pinto Músico, mas acabei rejeitando naquela ocasião. Não estava preparada, naquele momento, para uma longa estadia fora do país, ainda mais com os estudos a todo vapor” diz Dai, entusiasmada com os novos projetos para 2020.

A última edição do projeto aconteceu em dezembro, movimentando a estação 112 Sul do Metrô DF e sendo destaque nos principais veículos de comunicação de Brasília. Entre eles, a cobertura pelas emissoras Globo e Record TV.

“É gratificante ver nosso projeto com uma visibilidade tão grande. Foram duas matérias que mostraram toda nossa preparação, a beleza dos nossos modelos e o show que eles deram” complementa.

Os planos futuros da produtora incluem a criação de uma escola para formação de novos modelos, mas com um forte trabalho na inclusão social dessas pessoas. “Muitas pessoas querem ser modelos, mas nem todas possuem o acesso necessário. Não sabem quais passos seguir, quem buscar ou quanto isso custa. Quero viabilizar o acesso dessas pessoas ao universo da moda” afirma Dai.

Recentemente houve um casting para a escolha dos modelos que desfilarão em março. Mais de 300 modelos participaram da pré-seleção, que em breve deverá ser apresentada ao público pelo Instagram oficial do projeto: @desfilebelezanegra.

Continue Reading

PUBLICIDADE

Posts recentes

FASHION ALERT MAGAZINE

 

Trending

Fashion Alert - Copyright ©